CRÔNICA: Está tudo bem… como sempre…

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Em um dia qualquer, ao acaso do destino, inicia-se uma nova manhã e com ela vem a sensação de que falta algo. Olhando ao redor, o despertador continua em cima da cômoda, os livros estão em ordem na prateleira e todos os demais pertences encontram-se da mesma forma que na noite anterior. Porém, nota-se que algo mudou, algo se perdeu. Os dias vão passando e a sensação de vazio permanece.

Se materialmente está tudo certo, o que será que causa esse sentimento de incompletude? Mesmo analisando outros possíveis fatores, não se encontra resposta, pois: do lado profissional está tudo bem; a saúde física se encontra em perfeitas condições; os familiares estão próximos e os amigos verdadeiros idem. Tudo está bem, como sempre.

Aí,de repente, vem um estalo: tudo está bem, como sempre. Surge então a indagação: será que as coisas estão correndo tão “perfeitamente” que se tornaram monótonas? Talvez esteja faltando um desafio maior do que os atuais!

Sempre falo, neste Blog, sobre dinheiro. Ressalto a importância de planejar o futuro, administrar riscos, coisa e tal. Porém, às vezes é preciso ousar, mudar o rumo da nossa história, mesmo que isso traga incertezas para algo que, hoje, parece cômodo. Estável!!!!!

Libertar-se de algumas amarras, pode ser a atitude que acabe com o tal sentimento de que “algo está faltando”. Isso significa que EXPERIMENTAR algo novo, mesmo que isso possa trazer alguma instabilidade, também é uma forma ENRIQUECER.

Pense nisso!!!!

Boa sorte em suas finanças e vida pessoal.

Sobre Prof. Elisson de Andrade

Professor universitário e palestrante sobre Educação Financeira. Engenheiro Agrônomo (USP), Bacharel em Direito (UNIMEP), Mestre e Doutor em Economia Aplicada pela USP. Ganhador do prêmio BM&FBOVESPA de melhor dissertação/tese sobre derivativos (2004). Um eterno apaixonado em aprender e ensinar.